Palavras do Fundador

Qual sua vocação?

O mês de agosto é o mês das vocações. Vocação vem do verbo do latim vocare que significa chamar ou chamado. Sendo assim, para que haja um chamado é preciso ter quem chama. Se tratando de vocação cristã, cremos que Deus nos chama, precisamos então nos colocar em posição de resposta.

Deus nos chamou desde o ventre de nossa mãe, a primeira vocação que recebemos é a vocação a vida, a viver.  Só estamos vivos por causa do querer de Deus, Dele viemos. É certo que em nossa história Deus tem muitos planos, e nos chama sempre a vivermos os planos Dele, planos estes que são os melhores. Há um constante chamado de Deus em nossa vida, um chamado a fazermos em tudo a vontade Dele. E assim vivermos a plenitude do ser imagem e semelhança de Deus.

É preciso então parar e pensar. Hoje tenho procurado viver o plano de Deus? Tenho perguntado a Ele o que devo ou não fazer? Minhas decisões são pautadas no meu querer ou no querer do Senhor que me chama?

Estas perguntas podem nos ajudar em todas as circunstancias. Das mais simples, como, aonde ir? Qual roupa me vestir? Por que preciso ou não disso? É esta a atitude que devo tomar nesta situação? Etc. Como também nas situações mais complexas e serias, como, qual profissão devo seguir? Qual minha missão neste mundo? Porque Deus me pensou e me deu a vida? Casamento ou celibato? É esta a pessoa certa? Etc.

Pode até parecer para alguns exageros perguntar e ouvir tudo de Deus, mas não é. Pois nossa maior e mais importante vocação neste mundo, o sentido maior de nossa existência aqui, é amar a Deus. Nascemos e vivemos com este objetivo: amar a Deus sobre todas as coisas. E ao perguntar e querer fazer em tudo a vontade de Deus, estamos sem dúvida expressando esta vocação de amor a Deus. Pois precisamos em nossos atos, pensamentos, sentimentos e decisões amar a Deus. Toda nossa vida deve ser uma verdadeira entrega de amor. Toda a vida, envolve tudo, trabalhos, relacionamentos, família, sonhos, enfim tudo deve ser para amar a Deus, deve ser vivido por amor a Ele.

Nossa vida neste mundo é passageira, somos peregrinos, estamos aqui por um tempo. Do nosso nascimento até a nossa morte. Viemos de Deus e um dia voltaremos para Ele. Este intervalo aqui só tem sentido com Deus. Assim seremos plenos e felizes.

Reflita verdadeiramente se hoje você vive em tudo a sua vocação maior. Se você tem buscado o plano de amor de Deus ou não. Se você até tem sido alguém religioso, mas que não abre mão de sua vontade própria, é apegado aos seus projetos. Pense e de forma honesta reconheça o que precisa ser diferente para que sua vida seja uma manifestação de amor a Deus. Claro, peça insistentemente a Graça do Senhor, pois sozinhos não conseguiremos responder a todo projeto Dele em nossa história.

Deus abençoe você.

Eduardo Rivelly | Fundador da Missão Maria de Nazaré

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

Palavra do Fundador

Agenda

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 « ‹out 2020› »