Notícias

Papa Francisco diz que pena de morte é o fracasso do Estado de Direito

    Nesta sexta-feira, dia 20 de Março, disse que a “a pena de morte é o fracasso do Estado de Direito” em carta entregue ao presidente da comissão Internacional contra a Pena de Morte, o espanhol Frederico Mayor Zaragoza, com quem o pontífice se encontrou em audiência no Vaticano. Francisco fez declaração em carta à presidente de comissão contra a pena “trata-se de uma ofensa à inviolabilidade da vida” afirmou o pontífice.

    No documento, Francisco agradeceu a Zaragoza e a comissão por seu compromisso com um mundo livre de pena da pena de morte e sua contribuição para o estabelecimento de uma moratória universal das execuções no mundo todo. Em sua carta, embora tenha dito que “algumas ocasiões” é justificável a legitima defesa, ressaltou que seus “pressupostos não são aplicáveis ao meio social” e completou “a pena de morte representa um fracasso, porque obriga a matar em nome da justiça”, e “nunca se alcançará a justiça matando um ser humano”.

    O Papa qualificou de “tortura”, tratamento cruel, desumano e degradante’ a espera entre a sentença e a aplicação da pena, que pode durar vários anos. Em sua carta, o papa também se referiu à prisão perpétua, que como em outras ocasiões, voltou a definir como “uma pena de morte encoberta”.

    No final da carta o papa elogiou o trabalho da Comissão Internacional contra a Pena de Morte e encorajou a organização a continuar lutando por seu objetivo.

Fonte: Site G1

Palavra do Fundador

Agenda

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹set 2021› »