Banner Principal Formações

O aborto e suas consequências na vida de um casal

Atualmente no Brasil o aborto não é permitido, mas em alguns casos ele é autorizado por Lei. Porém, há uma grande discussão da possível legalização do aborto no país. Com essa polêmica não há como deixarmos de falar das consequências do aborto na vida, não só da mulher, mas na vida do casal.

Apesar de ser visto por muitos como um direito de escolha, ou muitas das vezes um ato de dar o fim a uma gravidez indesejada, as sequelas que o aborto traz a longo prazo para a vida de um casal são irreparáveis.

O número de abortos no país tem aumentado cada vez mais, “estimativas indicam que entre 7,5 milhões e 9,3 milhões de mulheres interromperam a gestação no Brasil entre 2004 e 2013”. “Uma a cada cinco mulheres com mais de 40 anos já fizeram, pelo menos, um aborto na vida. Hoje, no Brasil, existem 37 milhões de mulheres nessa faixa etária — de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Dessa forma, estima-se que 7,4 milhões de brasileiras já fizeram pelo menos um aborto na vida.” Sendo o aborto o quinto maior causador de mortes maternas no Brasil. (Fonte:http://www.pragmatismopolitico.com.br/2014/09/850-mil-mulheres-realizam-aborto-brasil-por-ano.html)

Além da possível morte não só do feto, mas também da mãe, o aborto, seja ele consentido, legal ou ilegal pode trazer consequências imediatas como: hemorragia, morte da mãe, perfuração uterina, infecção, depressões, queda de autoestima, aversão ao companheiro. Para o homem pode ocasionar: irá, frustação, arrependimento, sofrimento profundo, aversão a companheira.

“Ondina Vélez, médica e membro do Instituto CEU de Estudos da Família, afirma que os homens se sentem muito feridos após um aborto, de tal forma que, em muitos casos, podem inclusive romper seu relacionamento com sua parceira. Dois dos clientes atendidos por Ondina não concordavam em se desfazer do filho que estava a caminho. “Pouco tempo depois, terminaram o relacionamento com suas parceiras”, contou a médica. ” (Fonte:http://pt.aleteia.org/2014/03/10/as-sequelas-do-aborto-nos-homens/)

É notório que as consequências a longo prazo, podem complicar seriamente a estabilidade familiar. Cerca de 70% dos casais que cometem aborto, após 1 ano e meio não se encontram mais juntos. A destruição de um aborto é devastadora, por tirar o direito de viver de um feto e por fim acabar com a família. É essa a principal raiz do mal, atacar a família e á deteriorar.

mayra-1Mayra Stepheni

Missionária da Comunidade Católica Missão Maria de Nazaré

Palavra do Fundador

Agenda

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹jun 2021› »