Banner Principal Notícias

Entenda melhor o posicionamento do Papa sobre os Contraceptivos

Quero com este pequeno texto iluminar nossa inteligência e nos abrir para a verdade, pois, em muitos casos, informações podem provocar desinformação, ao usar de meias palavras, pronunciando uma mentira como se fosse verdade.

Desde ontem, a maioria dos meios de comunicação seculares e até anticristãos publicaram em suas manchetes que o Papa autorizou o uso de anticoncepcional para se evitar a microcefalia, devido ao surto da doença Zica. Trata-se, no caso, de sensacionalismo para “dar ibope”.

Primeiro, vamos aos fatos verdadeiros. Convido-te a ler, na íntegra, a entrevista do Papa que esta no site da Radio Vaticano (CLIQUE AQUI),  fonte que busquei para escrever esta pequena partilha.

Em sua fala, o Papa Francisco condena o aborto de todas as formas e até o compara com ação de mafiosos, não deixa nenhum precedente ou justificativa para essa ação. É firme e veemente na posição da igreja em relação ao aborto. Depois, cita um momento na historia da igreja em que Paulo VI autoriza religiosas a utilizarem anticoncepcional na África devido aos inúmeros casos de estupro naquela época. Porém, em momento algum, o papa diz que se deve usar o anticoncepcional, ou autoriza o seu uso. Francisco fala em se evitar gravidez neste momento e cita um fato de dezenas de anos atrás, onde ocorria uma situação de violência sexual, muito diferente da condição atual, em que as pessoas podem, sim, evitar uma gravidez de diversas formas, sem recorrer a métodos artificiais.

Paulo VI, quando autorizou aquelas religiosas especificas, tinha varias justificativas para fazê-lo. Primeiro, o ato conjugal deve ser aberto à vida, contudo, estamos nos referindo a ato conjugal. Aquelas freiras não seriam protagonistas de um ato conjugal e, sim, de um abuso sexual.  Lembrando ainda que foi Paulo VI, o mesmo papa, quem escreveu a primeira encíclica que condenava o uso do anticoncepcionais, a maravilhosa Humanae Vitae. Paulo VI foi criticado por esta encíclica, mas foi firme em relação aos métodos de barreira para um casal evitar filhos.

Dessa forma, tentam aumentar e incrementar o que o papa diz, colocam mais do que ele realmente falou. O Zika é preocupante e devemos cuidar-nos, diferente de abrir concessões em questões tão caras e sagradas que é o matrimonio e a vida conjugal. Para se evitar uma gravidez, existem métodos naturais tão eficazes, ou ate mais, que a pílula e que não tira a sacralidade do ato conjugal do casal.

Por fim, indico um vídeo do Padre Paulo Ricardo, que fala dos abortos ocultos cometidos por uso de anticoncepcional, motivo por que o papa foi tão firme em relação ao aborto, pois é inconcebível alguém ser contra o aborto e aceitar o anticoncepcional.

 

Termino alertando a você sobre as fontes em que se informa. Cuidado para não cairmos na manipulação das informações e de nossa inteligência. Peço ao Espírito Santo que ilumine a você e a todos os católicos, dando-nos discernimento para entendermos a realidade e discernirmos a verdade.

 

 

eduardoEduardo Rivelly

Fundador da Missão Maria de Nazaré

Casado com a Carla Rivelly, ele é pai de três filhos, Letícia, Lucas e Luísa.

Palavra do Fundador

Agenda

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹jun 2021› »