Notícias

Acolhidos da Comunidade Terapêutica Chácara São João Paulo II dão testemunho para alunos de escola de São Sebastião do Oeste

No dia 15 de setembro, três acolhidos da Comunidade Terapêutica Chácara São João Paulo II estiveram na Escola Estadual Antônio Gonçalves de Matos, em São Sebastião do Oeste – MG, para dar os seus testemunhos para 90 alunos que participaram do projeto “Prevenção e orientação sobre as drogas nas escolas”. O convite foi feito através da diretora Aparecida Fonseca.

A Chácara São João Paulo II

A maioria dos modelos de tratamento para este público objetiva principalmente a dependência química. Embora esse seja o ponto central, que leva o sujeito a procurar o tratamento, estes jovens apresentam outros problemas associados ao uso abusivo de drogas. Acreditando nisso, o tratamento realizado pretende rever suas atitudes, sentimentos e emoções, além de colaborar na mudança da maneira de reagir frente às dificuldades e situações com que defronta na vida pessoal e social.

O tratamento tem duração de no mínimo seis meses e no máximo doze meses. Os meses são divididos em estágio/fases classificadas metaforicamente e ludicamente pelo sinal de trânsito, assim cada estágio se assemelha a uma cor, respectivamente vermelho, amarelo e verde, e funciona como diretriz estrutural do processo terapêutico. No programa os acolhidos realizam o objetivo de cada estágio ou fase, na maioria das vezes segundo uma escala temporal, de acordo com o processo de mudança de posicionamento de modo subjetivo, ou seja, cada um possui seu próprio tempo. Assim como a maturação gestacional que dura em média nove meses, o tratamento se conclui como forma de renascimento, confirmando assim o lema do projeto: “jovens novos para um mundo novo”.

 

Palavra do Fundador

Agenda

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹abr 2021› »